Brasileiro

Após 168 voltas, Massa fecha dia na frente em testes da F-1

Publicado em 07/03/2017 , às 16 h00

Estadão Conteúdo

Brasileiro voltou para a Fórmula 1 após anunciar aposentadoria / Foto: AFP

Brasileiro voltou para a Fórmula 1 após anunciar aposentadoria Foto: AFP

Felipe Massa compensou nesta terça-feira a sessão de testes que perdeu na semana passada. Mais rápido do dia, o piloto da Williams também foi o que mais completou voltas no traçado do Circuito da Catalunha, em Montmeló, na Espanha, na abertura da segunda bateria de testes da pré-temporada da Fórmula 1. O brasileiro deu 168 giros no circuito, completando distância equivalente a duas corridas. 

A boa quilometragem só foi alcançada pelo alemão Sebastian Vettel, da Ferrari. Logo abaixo dos dois veio o francês Esteban Ocon, com 142 voltas com sua Force India. Ao fim da sessão, Massa até brincou com o bom rendimento. "Um dia muito bom para nós da @WilliamsRacing... 168 voltas hoje, nada mal para um ex aposentado", afirmou, nas redes sociais.

Massa cravou o melhor tempo do dia ainda pela manhã, ao anotar 1min19s726, o segundo melhor tempo de toda a pré-temporada até agora, com pneus supermacios. Só fica atrás do rendimento exibido pelo finlandês Valtteri Bottas, novo piloto da Mercedes, na semana passada. O ex-companheiro de Massa na Williams anotara 1min19s705. Nesta tarde, Bottas não passou do 1min20s924.

O segundo melhor tempo do dia também foi registrado pela manhã. O australiano Daniel Ricciardo começou a mostrar o potencial do novo carro da Red Bull ao anotar 1min19s900. O tempo foi marcado com pneus ultramacios, considerados mais rápidos que os supermacios usados por Massa em sua melhor marca do dia. 



Com pneus macios, ainda mais lentos, Vettel marcou o terceiro melhor tempo do dia, com 1min19s906, registrado no período da tarde. Ele baixou em quase um segundo e meio o tempo que fez pela manhã. O alemão confirmou, assim, o bom momento vivido pela Ferrari, que foi uma das estrelas da primeira semana de testes, ao lado da Mercedes. 

Lewis Hamilton, por sinal, anotou o quarto tempo do dia, com 1min20s456. O inglês foi um dos que menos completou voltas no traçado catalão: apenas 49. Bottas, que só foi para a pista à tarde mas completou 86 giros, foi o quinto mais veloz.

Esteban Ocon foi o sexto mais rápido, seguido do alemão Nico Hülkenberg (Renault), do dinamarquês Kevin Magnussen (Haas) e do russo Daniil Kvyat (Toro Rosso). 

O belga Stoffel Vandoorne, da McLaren, veio na sequência, com o 10º tempo. Em seguida, vieram o alemão Pascal Wehrlein (Sauber), o sueco Marcus Ericsson (Sauber), e o inglês Jolyon Palmer (Renault).

Pascal Wehrlein, que veio a substituir Felipe Nasr na Sauber, foi a novidade da pré-temporada. Ele fez sua estreia somente nesta terça porque se recuperava na primeira semana de acidente sofrido ainda em janeiro, na Corrida dos Campeões. Nesta terça, ele não passou do 1min23s336 no Circuito da Catalunha.

Os pilotos voltam para a pista nos arredores de Barcelona nesta quarta-feira para o segundo dia desta segunda bateria de testes da pré-temporada da F-1. O campeonato vai começar no dia 26, com o GP da Austrália, em Melbourne.

PALAVRAS-CHAVE: automobilismo esportes

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

SERVIÇOSNE10


Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo