Número um

Murray perde para tenista vindo do quali em Indian Wells

Publicado em 12/03/2017 , às 15 h12

Estadão Conteúdo

 / Foto: AFP

Foto: AFP

Líder do ranking mundial, Andy Murray sofreu, na noite de sábado - já madrugada de domingo no Brasil - a sua pior derrota em muito tempo. O britânico caiu logo na sua estreia do Masters 1000 de Indian Wells, diante do pouco prestigiado Vasek Pospisil O canadense, hoje apenas 129.º do ranking mundial, veio do qualifying para vencer o primeiro cabeça de chave por 2 sets a 0, com 6/4 e 7/5 (7/5), pela segunda rodada.

Durante toda a temporada passada, Murray sofreu apenas nove derrotas, sendo a mais surpreendente para o argentino Federico Delbonis, então número 53 do mundo, exatamente em Indian Wells, na segunda rodada.

Ou seja: ter uma boa campanha no mais tradicional Masters 1000 da temporada, considerado como um quinto Grand Slam, era uma chance de abrir ainda mais na liderança do ranking mundial. Novak Djokovic defende o título conquistado em 2016 e não vai ampliar sua pontuação. Murray praticamente só tinha a ganhar, mas perdeu. Na semana que vem, aparecerá com 35 pontos a menos - a diferença para o sérvio é de mais de 2.000 pontos.



Mas, por enquanto, Murray não se saiu bem jogando com a responsabilidade de ser o grande favorito. Perdeu para o alemão Mischa Zverev, então 50.º do ranking, nas oitavas de final do Aberto da Austrália e agora caiu diante de Pospisil, canadense que até já foi Top25 do ranking, em 2014, mas que se dedica mais à carreira de duplista - chegou a ser o quarto do mundo e ganhar o US Open.

"Se eu eleger os melhores momentos da minha carreira, este certamente é um deles. Derrotar o número 1 do ranking e alguém tão completo como Andy, um dos melhores do tênis, é incrível", festejou Pospisil após a partida, relacionando sua vitória à troca de treinador - ele é comandado pelo australiano Mark Woodforde desde o fim da temporada passada.

Campeão de Indian Wells nas duplas em 2015, quando jogava com Jack Sock, o canadense fará um jogo de zebras na segunda rodada contra Dusan Lajovic, sérvio 106.º do mundo, que também veio do qualifying, e que eliminou o espanhol Feliciano Lopez na segunda rodada. 

Por ter disputado o quali, Pospisil vai para o quinto jogo na semana. Ele estreou no quali contra Mitchell Krueger, depois passou por Rajeev Ram, outro americano, estreando com vitória na chave principal sobre o taiwanês Yen-Hsun Lu. 

OUTROS JOGOS - Também no fim da noite de sábado em Indian Wells, o suíço Stan Wawrinka, terceiro do ranking, confirmou o favoritismo para vencer o italiano Paolo Lorenzi por 2 a 0 (6/3 e 6/4). Agora ele encara o alemão Philipp Kohlschreiber. Já o francês Gael Monfils, 10.º cabeça de chave, levou um susto para vencer Darian King, de Barbados, por 2 a 1, com 3/6, 6/0 e 6/1.

PALAVRAS-CHAVE: tênis esportes

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

SERVIÇOSNE10


Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo