Vitória

Bellucci e Monteiro sofrem, mas vencem e Brasil faz 5 a 0 no Equador

Publicado em 09/04/2017 , às 18 h25

Estadão Conteúdo

Bellucci venceu por dois sets a zero / Foto: AFP

Bellucci venceu por dois sets a zero Foto: AFP

Thomaz Bellucci e Thiago Monteiro confirmaram o favoritismo neste domingo, venceram seus jogos e sacramentaram o triunfo brasileiro sobre o Equador por 5 a 0, em duelo válido pelo Zonal Americano I e disputado em quadra de saibro na cidade de Ambato, que fica 2.500 metros acima do nível do mar.

Como o confronto já havia sido decidido no sábado, após a vitória nas duplas de Marcelo Melo e Bruno Soares sobre Gonzalo Escobar e Roberto Quiroz, por 3 a 0, as partidas deste domingo haviam se tornado amistosas, disputadas apenas em melhor de três sets. O Equador, assim, escalou seus tenistas reservas de simples. Ainda assim, os brasileiros sofreram para ganhar.

Principal tenista brasileiro e 67º do ranking da ATP, Bellucci encarou Ivan Endara, apenas o 428º do mundo, e teve dificuldade no primeiro set, mas se impôs no segundo e venceu por 2 a 0, com parciais de 7/6 (9/7) e 6/4.

Já Monteiro, 81º do ranking, chegou a perder o primeiro set para Gonzalo Escobar, 516º, mas reagiu e venceu de virada, com parciais de 6/7 (5/7), 6/4 e 6/3. Os dois brasileiros, assim, depois de terem vencido seus jogos na sexta-feira, deixaram o confronto invictos.

Os playoffs da Davis serão disputados em setembro e o adversário brasileiro será conhecido por sorteio, na próxima semana. Se avançar, o Brasil voltará a jogar na elite do torneio, o que não acontece desde 2015.



AUSTRÁLIA CLASSIFICA

Neste domingo, a Austrália garantiu vaga nas semifinais da Copa Davis em 2017. Na cidade de Brisbane, os donos da casa confirmaram a classificação sobre os Estados Unidos com a vitória de Nick Kyrgios sobre Sam Querrey, que levou os australianos a uma vantagem de 3 a 1 na série melhor de cinco.

Número 16 do ranking, Kyrgios contou com o apoio da torcida da casa para confirmar o favoritismo diante de Querrey, 25.º do mundo, sem maiores dificuldades. O australiano fechou a partida por 3 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4), 6/3 e 6/4, em pouco mais de duas horas de partida.

A vitória australiana, no entanto, foi encaminhada na sexta-feira, quando o país abriu 2 a 0 com as vitórias de Jordan Thompson e Kyrgios sobre Querrey e John Isner, respectivamente. No sábado, os Estados Unidos diminuíram a diferença e se mantiveram vivos na disputa com o triunfo nas duplas, mas voltaram a perder em simples e foram eliminados.

Com o triunfo, a Austrália vinga o resultado do ano passado, quando foi eliminada pelos Estados Unidos nas oitavas de final, mesmo atuando em casa, e se junta a França e Sérvia, que eliminaram Grã-Bretanha e Espanha no sábado, respectivamente, e também estão nas semifinais.


PALAVRAS-CHAVE: tênis esportes

Continue Lendo

COMENTE ESTA MATÉRIA

Nome:
E-mail
Mensagem

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O NE10 reserva-se o direito de não publicar mensagens com palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.

SERVIÇOSNE10


Vitrine NE10
Vitrine NE10
Fechar vídeo